Negócios

Vivenda do Camarão: congelados e empório

Crédito: Daniela Fonseca Moura

Com 38 anos no setor de food service brasileiro, a Vivenda do Camarão entende bem de crise. Nasceu a partir de uma delas. Sem poder exportar contêineres de camarão, Fernando Perri, CEO da empresa, decidiu abrir um restaurante e preparar pratos com o produto. Agora, para superar mais um momento difícil, após fechamento de lojas e perda de clientes, a rede busca a diversificação do portfólio. Surgem os produtos congelados dos pratos consagrados da Vivenda do Camarão, com vendas em supermercados, microfranquias e e-commerce para preparo em casa.

Outra aposta são os empórios, que vão oferecer congelados, camarões, pescados, bebidas, utensílios e temperos. A expectativa é ter 400 nos próximos cinco a dez anos. “O empório tem potencial para ser maior que a própria Vivenda hoje”, afirmou Perri. Atualmente a rede possui 150 lojas, sendo 110 próprias.

(Nota publicada na edição 1278 da Revista Dinheiro)